Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / IFRO REALIZA AUDIÊNCIA PÚBLICA PARA OUVIR COMUNIDADE DE GUAJARÁ E REGIÃO

IFRO REALIZA AUDIÊNCIA PÚBLICA PARA OUVIR COMUNIDADE DE GUAJARÁ E REGIÃO

por gum publicado 08/12/2011 20h47, última modificação 24/06/2015 13h00

Quais serão os cursos oferecidos pelo IFRO (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia) no Campus Guajará-Mirim? Esta é uma das principais questões a serem respondidas na Audiência Pública da próxima sexta-feira, dia 09/12, às 19 horas, no Auditório da Câmara de Vereadores de Guajará. Toda a população do município e região próxima está convidada a participar. 

Segundo o Reitor, Raimundo Vicente Jimenez, o objetivo é ouvir a comunidade acerca das demandas por formação profissional com base nas atividades socioeconômicas regionais, a fim de se definir a atuação do novo campus do IFRO. “A implantação do Campus Guajará-Mirim não só estende a nossa oferta de educação profissional e tecnológica para uma região do Estado historicamente desassistida, mas também transcende a fronteira, uma vez que o projeto prevê a implantação de uma unidade que também atenderá aos bolivianos”, explica o Reitor. 

O professor responsável pela implantação desta oitava unidade da Rede Federal em Rondônia, Jorge Luiz dos Santos Cavalcante, diz que este período de implantação é o mais importante, “porque agora a comunidade está sendo convidada a se manifestar e contribuir nesta escolha dos cursos que serão implantados”. Desde 2009 há negociação para que o município seja sede de uma escola técnica do governo federal, o que foi oficializado com o anúncio em agosto pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, e a parceria com a Prefeitura local. 

A Escola na Fronteira/IFRO é um dos doze projetos dentro de Institutos Federais que possuem vaga compartilhada entre brasileiros e estrangeiros ao longo de 150 km de divisa entre o Brasil e 10 países da América do Sul, no caso de Guajará, a Bolívia. Está na proposta de trabalho dessas escolas: complementaridade da oferta, idiomas, intercâmbio de professores e alunos, construção de material didático bilíngue e específico e certificação conjunta. 

Neste segundo semestre o IFRO, por meio da Prefeitura de Guajará, aplicou um questionário (PAER – Pesquisa de Atividade Econômica Regional) no município e em Guayaramerím e Nova Mamoré, com o objetivo de identificar as demandas por formação profissional naquela região. Os dados coletados serão utilizados como base para a definição do perfil dos cursos iniciais a serem oferecidos. “Estamos convidando as autoridades estaduais, municipais e a comunidade como um todo (pais e alunos), e mais especialmente as pessoas ligadas à educação de um modo geral da região”. 

“Este é mais um desafio para o IFRO, porém temos certeza de que será um projeto exitoso na medida que vai propiciar formação profissional e tecnológica para os jovens e trabalhadores daquela região, constituindo-se um viés estratégico para o desenvolvimento local”, conclui o Reitor Raimundo Jimenez.

Autor: IFRO

 

Mídias Sociais

Facebook Twitter  Youtube 

Pesquisar no BuscaLeg
Logotipo do BuscaLeg - Buscador Legislativo
Acesso à Informação
Pesquisar no LexML
Logotipo do LexML - Rede de informação legislativa e jurídica