PRESIDENTE DA CÂMARA PRESTIGIA PASSAGEM DE COMANDO DO 6º BIS

por gum publicado 07/01/2019 11h02, última modificação 07/01/2019 11h02

O presidente da Câmara Municipal, advogado Sérgio Bouez ((PSB), participou na noite de sexta-feira (14), do ato solene de passagem de comando do 6º Batalhão de Infantaria e Selva em Guajará-Mirim.

Também se fizeram presentes ao evento o prefeito Cícero Noronha, o ex prefeito Dúlcio Mendes, o deputado federal eleito João Crisóstomo, entidades eclesiais, do Poder Judiciário, classe acadêmica, militares da reserva, comerciantes, empresários e a chamada gente do povo. O General José Eduardo Leal de Oliveira, comandante da 17ª Brigada de Infantaria e Selva deu as honras da casa e conduziu todo o ritual de protocolo.

Um pouco antes da abertura oficial do programa, numa sala anexa ao gabinete do comando, se fizeram apresentar para uma ligeira troca de impressões para uma seleta platéia e imprensa autorizada, tanto o comandante que está de saída do Batalhão, Coronel Fábio Lustosa, como o comandante chegante, Tenente-Coronel Marcelo Bastos de Souza.

Já no início do cerimonial de praxe, o General Eduardo leal fez questão de fazer a leitura do Referencial Elogioso, uma biografia feita pela 17ª Brigada alusiva à passagem do Coronel Lustosa pelo Batalhão de Guajará-Mirim e aos relevantes serviços prestados nesta companhia de fronteira.

Ao fazer uso da palavra, Fábio Lustosa agradeceu ao Comando Maior do Exército pela confiança que lhe foi incumbida, deu as boas vindas para o novo comandante, discorreu um pouco sobre os trabalhos efetuados no 6º BIS sob sua condução, as instruções e operações conjuntas e reforçou os valores e as virtudes do Exército do Brasil.

Exemplar cidadão, nestes dois anos em que esteve a frente do 6º Batalhão de Infantaria, o Coronel Lustosa conquistou o respeito e a admiração de todos os seus comandados. Mas sua atuação no comando desta caserna não se limitou apenas ao traçado militar. Conseguiu também formatar um novo modelo de interação entre o exército e os extratos civis. Implementou a Escola de Música do Exército, onde mais de cem crianças recebem aulas musicais geridas por músicos do Batalhão. Magnânimo, colocou toda a logística do Exército à disposição tanto da Câmara como da prefeitura sem se preocupar com a polarização entre os poderes. Seu objetivo era apenas ajudar a cidade a desenvolver.

Mas o sinal mais marcante de sua passagem por Guajará-Mirim encontra-se nos mosaicos com pinturas expostos a céu aberto nos murais da Vila Militar frente à Igreja Matriz da cidade. Estes desenhos, além de retratar e exaltar a história do Exército do Brasil na região norte, também revelam o talento de um artista autóctone das Forças Armadas, Soldado Noza.

Carioca de Niterói, 48 anos, casado com a senhora Cláudia Lustosa, o Coronel Lustosa após formar-se na Academia Militar de Resende, iniciou sua carreira no exército no 1º BIS em Manaus. Em Guajará-Mirim desde Janeiro de 2017, viaja agora com destino ao Rio de Janeiro onde irá prosseguir sua vida militar na Escola de Comando e Estado Maior do Exército fazendo o Curso de Política, Estratégia e Alta Administração do Exército (CPEAEx).

Pelas atitudes cordiais que manteve com agentes e pessoas de todos os setores sociais, Fábio Lustosa será para sempre lembrado com carinho e muita saudade por todos os guajaramirenses que puderam conviver com sua pessoa e desfrutar de sua presença de espírito. Em seu lugar assume o Tenente-Coronel Marcelo Bastos, com a honrosa responsabilidade de liderar os soldados, administrar os recursos do Batalhão e personificar os valores de conduta e disciplina do Exército.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.